O que o seu negócio tem a ver com a tecnologia do blockchain?

Como empresários podem incluir, definitivamente, o verbete do blockchain no dicionário dos negócios? Termo da moda na área tecnológica, devido a mais famosa das criptomoedas, o bitcoin, essa nova inteligência revolucionou a experiência de segurança em transições via internet. Quer saber o porquê? Continue lendo.

Blockchain ou cadeado de blocos

Para começar o processo de aprendizado sobre essa tecnologia, nada melhor que traduzir a expressão blockchain, que significa: cadeado de blocos. Tal nomenclatura é um pilar fundamental para compreender a estrutura base dessa inovação, criada em 2008 com o propósito de viabilizar a existência do bitcoin. Retornando à própria definição que o nome carrega, o blockchain é uma estrutura de blocos de informação em que cada um carrega a própria “impressão digital”. Contudo, nessa cadeia, cada bloco tem a sua “impressão digital”, somada à do bloco anterior, gerando um ciclo confiável de dados criptografados e autenticados em relação à veracidade dos seus dados. Ufa!

Mas, se para você, ainda é preciso trazer uma experiência mais tangível, vamos lá: no caso das moedas digitais, cada bloco é responsável por um conteúdo, portanto, de uma transação financeira. Por exemplo, transferência ou débito. No processo de uma ação até a outra, o blockchain atua como um sistema de autenticação dessa transação. Confirmando se os processos e valores realmente condizem com as informações oferecidas. Diferentemente da nossa relação com o banco, por exemplo, que é baseada apenas nas informações oferecidas por essas instituições. As transações não são submetidas a um processo de validação, que suspenda todas as possíveis dúvidas a respeito das operações processadas.

E por que os bancos não se adaptam ao blockchain?

Porque a principal garantia de segurança dessa tecnologia é a não centralização de dados. Além de acessível a todos, a informação está compartilhada na rede de computadores, estrutura completamente oposta à dos bancos, que unifica os processos em seus sistemas. Porém, não é preciso se preocupar, além de criptografados, os conteúdos dos blocos são, praticamente, incorruptíveis. Como? Para isso, seria necessário ter acesso a 51% da rede do poder computacional, o que ficaria conhecido como Ataque 51%.

Hash e ledger

Hash e ledger são as outras duas estruturas que compõem o blockchain. A primeira é o nome técnico do que chamamos anteriormente de “impressão digital”. O hash é a assinatura que cada bloco possui, quando autenticada; caso o bloco já verificado sofra alterações, o hash também será mudado. Apenas, assim, a segurança da transação estará garantida.

O ledger, por sua vez, é muito mais fácil de aproximar à rotina de uma empresa. É o que poderíamos chamar de livro-razão, nele ficam registrados, sem possibilidade de alteração, as transações e blocos.

Vamos à prática!

Ok, o blockchain é uma tecnologia que oferece segurança e transparência, através da criptografia, do hash e do ledger, mas você pode pensar: o que isso tem a ver com o meu negócio e com o meu dia a dia?

A tecnologia criada para o funcionamento seguro do bitcoin pode ser transferida para outros propósitos, hoje, completamente manuais, como, por exemplo, o da assinatura de contratos.

Assim como o blockchain assegura transações, que, já finalizadas, não podem ser alteradas sem a mudança do hash, é possível assinar contratos utilizando a mesma lógica: contratos que não são modificados após a assinatura, apenas com a criação de um novo bloco, o que garante que tal ação não seja fraudulenta.

Resumidamente, ao integrar esse processo no mundo corporativo, propicia-se mais segurança, transparência e confiança entre empresas. Diminuindo burocracias, um dos principais objetivos da tecnologia de maneira geral, e facilitando o dia a dia de transações no mundo todo.

Verbete: blockchain

No início, falamos da importância de compreender o papel do blockchain no mundo dos negócios e, durante o artigo, explicamos seu funcionamento geral, também voltado ao bitcoin, mas também comentamos sobre o dicionário dos empresários incorporar o verbete sobre o tema e, claro, não deixaremos isso de lado. Pode anotar:

Blockchain (s.m): Sistema com informações alocadas em blocos criptografados e autenticados, sempre em sintonia com as demais ações com as quais estão conectadas, garantindo segurança em transações financeiras e de outras naturezas, tudo automaticamente e absolutamente confiável.

Quer saber mais? Conte com a Advice, fale com um de nossos especialistas!